Vem cá me acalmar outra vez - Raelogia

domingo, 1 de janeiro de 2017

Vem cá me acalmar outra vez


Eu estive tão frustrada, e cheguei a acreditar que o sol optou em esconder-se por trás das nuvens ao invés de iluminar os meus dias cinzentos. Só que então, outra vez você chegou e me despertou. Eu mergulhei no teu abraço e me perdi no aroma do teu perfume. Mais uma vez você me acalmou com o teu sorriso e com o teu jeito meigo e protetor de ser.

E não é todo dia que a gente encontra alguém que nos faz tão bem. Você me elevou deste solo terrestre, me afastou do temporal e compreendeu todas as minhas insanidades. Me lembrou que cada coisa tem seu propósito, e que até os piores momentos são valho. E que o amor é maior do que qualquer coisa, inclusive a dor.

E de novo você me trouxe força para encarar os obstáculos da vida, com cuidado juntou todos os destroços e moldou uma nova armadura para mim. E hoje, me sinto feliz em saber que a sua existência habita em mim. Fico feliz em saber que você não se recusou em navegar nas minhas ondas turbulentas, e que hoje já deixou de ser tripulante para ser comandante dos meus nervosismos.
 
E o que eu posso dizer é, obrigada. Por surgir assim tão do nada, tão sem hora marcada, tão de repente.
Por ter ido à aquela praça antiga da cidade e ter se sentado no banco ao lado só para escutar o som que as folhas das árvores emitiam, da mesma forma que eu. E por dali, ter iniciado comigo a amizade mais leal deste mundo. 

2 comentários:

  1. Como é maravilhoso se apaixonar por alguém que só te traz positividade.
    Seu texto está tão manhoso! Amei!
    Prosperidade!
    A Bela, não a Fera blog | A Bela, não a Fera Youtube | Converse comigo no Twitter!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ei! Obrigada pelo seu comentário, fico feliz que tenha gostado.
      Um beijo. ♡

      Excluir